Tecnologia na imobiliária: como ela facilita a venda e o aluguel de imóveis?

O emprego da tecnologia na imobiliária já deixou de ser um diferencial. Hoje é um recurso indispensável a quem pretende se manter competitivo nesse segmento. Esse é o contexto intimamente ligado à transformação digital, na qual todas as atividades produtivas, sem exceção, são afetadas pela tecnologia.

Um exemplo disso está na própria forma como as pessoas buscam por imóveis atualmente. De acordo com a Canter, 43% das pesquisas de preços começam pela internet. Dessas buscas, metade é feita por sites em versão mobile ou aplicativos.

Essa é apenas uma das inúmeras evidências da importância da tecnologia no mercado imobiliário e como ela afeta as rotinas de corretores e clientes. Mas há muito mais por descobrir, por isso, avance na leitura e entenda as próximas tendências desse setor!

Benefícios da tecnologia na imobiliária

Tradicionalmente resistente às mudanças, hoje o segmento imobiliário parece já ter compreendido que, sem aderir aos avanços tecnológicos, não há como ter bons resultados. Isso porque, com a tecnologia, corretores e empresas ganham um poder de fogo muito maior ao atrair e reter clientes.

Independentemente do tipo de bem, uma coisa é certa: com a tecnologia ao lado, fica mais fácil encontrar o comprador certo. Prova disso são os benefícios que a aplicação dos recursos avançados proporcionam em negócios que envolvem a compra ou aluguel de imóveis. Veja os principais!

Processo de venda facilitado

De acordo com a pesquisa da Canter citada anteriormente, embora a internet seja um canal prioritário para a maioria dos compradores, a figura do corretor permanece central. No levantamento realizado, constatou-se que 87% das pessoas compraram suas casas por meio de um corretor ou agente imobiliário.

Nesse caso, como veremos nos próximos tópicos, a vida do corretor fica mais tranquila quando ele tem enquanto aliados os melhores recursos. Seja para visitar imóveis, seja para regularizar documentos junto a um fiador, praticamente não há processo de venda que não possa ser otimizado com a tecnologia.

Expansão dos mercados

Imagine que uma corretora pretende explorar novos nichos de mercado ou mesmo inaugurar filiais em outras cidades ou Estados. Não dá para imaginar que ela seja bem-sucedida nessa empreitada sem antes conhecer os riscos envolvidos, concorda?

Para lidar com eles, a tecnologia é sem dúvida a melhor aliada em assegurar que, ao expandir, as expectativas sejam atendidas. Isso vale às imobiliárias que pretendem atuar na compra e venda de imóveis e àquelas que projetam explorar o aluguel de temporada.

A solução, aqui, é usar Big Data — que abordaremos mais à frente — e ferramentas que permitam desenvolver a Business Intelligence (BI), ou Inteligência de Negócios.

Redução de custos

Na prática, a aplicação da tecnologia pode ser muito mais simples do que se imagina. Você não precisa entender de programação ou ter intimidade com o jargão tecnológico para perceber que ela ajuda, por exemplo, a reduzir custos.

É o que acontece quando corretores usam recursos como o tour virtual. Dá para mostrar imóveis a clientes ou imagens em três dimensões que exibem cômodos com maior riqueza de detalhes.

Dessa forma, os custos de visitas presenciais são eliminados, o que ainda traz um bônus — a economia de tempo. Sem precisar se deslocar pessoalmente aos imóveis em visita, profissionais ganham do relógio para pensar em novas estratégias e atender bem.

Precificação otimizada

As mudanças no IGP-M podem dificultar a vida das imobiliárias que, com esse índice, têm mais um fator a ponderar na hora de estipular preços aos imóveis. Pois a tecnologia já se faz notar também nessa etapa da negociação, por meio de aplicativos que precificam em tempo real.

Eles conseguem essa “proeza” avaliando dados em massa que consideram os valores praticados por longos períodos. Logo, chegam a um preço muito mais justo.

Tecnologias prioritárias para implementar na imobiliária

O cenário imobiliário está tão evoluído que, em certos momentos, parece até coisa de ficção científica. Contudo, a realidade esta aí para mostrar que o futuro já está batendo à porta e exige que as empresas acompanhem essa evolução. Conheça algumas tecnologias importantes que se destacam no segmento!

Sistemas ERP

Os sistemas ERP são fundamentais porque, com eles, uma empresa integra todos os seus softwares em uma única plataforma. Por outro lado, imobiliárias precisam de soluções ainda mais específicas, tendo em vista as demandas desse setor.

Um bom exemplo de aplicação na prática da tecnologia em imobiliárias é o Immobile, software desenvolvido pela Alterdata. Ele permite gerir uma série de operações como controle de aluguel e corretagem, agilizando as rotinas dos profissionais.

Realidade virtual

As visitas a imóveis podem consumir um tempo precioso e, no final, não resultar em negócio fechado. Não seria perfeito se o cliente pudesse visitar o imóvel virtualmente, pelo menos enquanto forma de verificar suas reais condições?

Essa é uma possibilidade quando a imobiliária oferece o tour virtual, no qual o cliente “entra” no imóvel por meio de plantas digitais em 3D disponibilizadas pela internet.

Chatbots

O atendimento é o ponto mais sensível a empresas que atuam no segmento de serviços e no ramo imobiliário não é diferente. Para ajudar nessa etapa do processo de vendas, os chatbots são uma verdadeira “mão na roda”, já que podem tirar dúvidas comuns dos clientes antes de encaminhá-los ao corretor.

Imagens 360º

Uma outra forma de se fazer um tour virtual é por meio de imagens captadas com tecnologia 360º. Elas são feitas com câmeras especiais capazes de formar imagens de todos os ângulos dos cômodos de um imóvel.

Big Data

Ajay Banga, CEO da Mastercard, disse que “dados são o novo petróleo”. No setor imobiliário, isso se aplica perfeitamente, já que é por meio de Big Data que as imobiliárias podem precificar melhor, conhecer em detalhes o perfil de seus clientes e muito mais.

Assinatura digital

Outra vantagem da aplicação da tecnologia é que ela facilita o avanço dos trâmites na hora de concluir uma venda ou aluguel. É o que acontece quando se usa assinatura digital para dar prosseguimento em toda a documentação necessária ao concluir um negócio.

Então, já se convenceu de que a tecnologia na imobiliária veio para ficar e que, sem ela, não há como vender bem? Com ela, todos ganham, a começar pelo maior patrimônio de uma empresa — o seu cliente final.

Gostou do conteúdo? Fale com a Alterdata e saiba como entrar na era digital, melhorando a performance da sua imobiliária nos negócios!

  • Created on .

Mantenha-se atualizado com notícias, inspirações e eventos



Todo o mercado imobiliário em suas mãos

Social


Copyright 1989 - - Alterdata Software - Todos os Direitos Reservados

Ligue agora, é grátis

0800 704 1418